Anúncio

sábado, 21 de julho de 2018

Dois mortos e um preso em confronto com a polícia

No dia 20 de junho, por volta das 17 horas, a PM recebeu a denúncia de que haviam indivíduos armados que tentariam assaltar caminhões na MG329, próximo ao desvio entre Rio Casca e Ponte Nova.

Como a denúncia informava que os indivíduos estavam armados, imediatamente foi deslocada uma equipe sob o comando do Tenente Fabiano, sendo viaturas ostensivas e 03 motocicletas também ostensivas, ou seja, com as cores da PM e os sinais luminosos (Giroflex).

Antecipando a equipe, uma viatura descaracterizada, deslocou-se à frente das demais, quando logo após o Recanto do Ipê, ao diminuir a velocidade para passar no quebra-molas, surgiram 3 indivíduos armados.


Um dos indivíduos foi para o centro da pista apontando uma arma para os ocupantes e os outros dois ficaram um de cada lado do veículo apontando suas armas.

Ao perceberem o risco, os policiais efetuaram desparos das janelas laterais dos veículos, atingindo dois dos assaltantes que estavam nas laterais, vindo o do meio a evadir-sem sendo preso pelas viaturas que davam suporte.

Um dos indivíduos morreu no local, o outro foi socorrido e veio à óbito algumas horas depois.

Todas as providências foram tomadas pelo comando da PM, sendo ouvidos o indivíduo preso e os policiais envolvidos, sendo que a ação será avaliada pela Justiça Militar.

O assaltante preso foi também apresentado à Polícia Civil e responderá por tentativa de roubo.

As armas utilizadas pelos assaltantes, eram uma de fabricação caseira, um simulacro idêntico a uma pistola semi-automática e uma terceira que também se tratava de um simulacro.

O trânsito ficou lento no local em razão do posicionamento do veículo/viatura que permaneceu no local para realização da perícia.

Um dos indivíduos que morreu, possuía 15 anos de idade, o que faleceu no hospital possuía 20 e o que está preso 19. Todos de piedade de Ponte Nova.

Lembramos aqui que este não é o primeiro assalto no local, acontecido com veículos que diminuem a velocidade para passarem pelo quebra-molas.

Fonta: POLÍCIA MILITAR

Nenhum comentário:

Postar um comentário