Anúncio

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Um dia depois da chuva, Rio Casca tenta se reerguer

Um dia após a tragédia que atingiu Rio Casca, a população começa os trabalhos para tentar recuperar o que foi perdido e fazer a limpeza das casas, lojas e ruas.

Depois do rio Casca diminuir e a água desocupar as ruas, foi possível ter uma dimensão melhor do grande estrago causado pela chuva nesta última segunda feira.

Aos poucos as pessoas vão colocando móveis e mercadorias nas portas, estando grande parte sujas de barro e danificadas, a fim de lavar tudo, e ver o que dá para reaproveitar.

Na entrada da cidade, passando por baixo do viaduto, muitos carros atolaram na enorme quantidade de barro, tentando passar e entrar no centro da cidade.


Na “Rua do Sapo”, caminhões que ontem estavam na altura das lâmpadas dos postes, estão amontoados nos cantos como brinquedos.

Carros da defesa civil e dos bombeiros estão na cidade. Por volta das 10 da manhã um helicóptero dos bombeiros começou a sobrevoar a cidade.

Os distritos de Jurumirim e Vista Alegre também foram atingidos, deixando muita gente desabrigada.


Doações estão sendo arrecadadas em todo o estado para aliviar algumas necessidades dos desabrigados, como roupas, colchões, água e alimentos.

Rua Próxima ao Colégio Equipe

Rua do Sapo

Rua da Gráfica
Águas Férreas

Águas Férreas

Um comentário:

  1. Muito triste com essa tragedia que se abateu em nossa RC. Que Deus proteja a todos

    ResponderExcluir